Logotipo - beija-flor com o nome do site - eu espiírita

Espiritismo, um novo Amanhecer.

Chico Xavier – O maior Brasileiro de todos os tempos

selo-chicoxavierFrancisco Cândido Xavier, mais conhecido como Chico Xavier (Pedro Leopoldo, 2 de abril de 1910 — Uberaba, 30 de junho de 2002), foi um médium, filantropo e um dos mais importantes expoentes do Espiritismo. Seu nome de batismo, Francisco de Paula Cândido, em homenagem ao santo do dia de seu nascimento, foi substituído pelo nome paterno de Francisco Cândido Xavier logo que psicografou os primeiros livros, mudança oficializada em abril de 1966, quando chegou da sua segunda viagem aos Estados Unidos. Chico Xavier psicografou mais de 450 livros, tendo vendido mais de 50 milhões de exemplares e sendo o escritor brasileiro de maior sucesso comercial da história, mas sempre cedeu todos os direitos autorais dos livros, em cartório, para instituições de caridade. Também psicografou cerca de dez mil cartas, nunca tendo cobrado algo ao destinatário. Seus empregos foram vendedor, operário fabril e datilógrafo.

O médium é uma das personalidades mais admiradas e aclamadas no Brasil e é fortemente tido no movimento espírita como um “missionário da luz”, caracterizado sobretudo por bondade e humildade. Vem recebendo grandes homenagens e honrarias, por exemplo: Em 1981 e 1982 foi indicado ao prêmio Prêmio Nobel da Paz, tendo seu nome conseguido cerca de 2 milhões de assinaturas no pedido de candidatura; em 2000, foi eleito o “Mineiro do Século XX”, em um concurso realizado pela Rede Globo Minas, tendo vencido com 704.030 votos18 e em 2012 foi eleito O Maior Brasileiro de Todos os Tempos, em um concurso homônimo realizado pelo SBT e pela BBC, cujo objetivo foi “eleger aquele que fez mais pela nação, que se destacou pelo seu legado à sociedade”

Página inicial


Newsletter - Cadastre-se para receber nossas Atualizações e Mensagens.

Logotipo do euespirita - com beija-flor

Site desenvolvido e mantido por Cesar de Souza para divulgação da Doutrina Espírita e volorização da vida. Porquanto, não possui conotação para quaisquer outros fins. Desde 18.06.2010.